Ministério das Relações Exteriores
Internacional

Angola tem divida moral com o povo cubano - Coelho da Cruz

O responsável fez este pronunciamento hoje, quinta-feira, em Luanda no acto de despedida da delegação angolana ao 4º encontro de solidariedade com Cuba a decorrer em Addis Abeba, Etiópia, de 21 a 23 do corrente mês.

Domingos Coelho da Cruz referiu que a amizade que une os dois países é de longa data, e a mesma se tem manifestado nos momentos cruciais para ambos os povos, os quais remontam desde a luta de libertação nacional.

“A nossa amizade com Cuba não data de hoje e todos nós angolanos sabemos nos momentos difíceis em que precisávamos confirmar a nossa independência muitos países que hoje dizem que Angola está bem entregue e bem governada nos viraram as costas, facto que nunca aconteceu com o país caribenho”, realçou.

Para o também integrante da delegação angolana ao encontro, “este constitui mais um momento para Angola manifestar a sua solidariedade para com a causa cubana, no concernente ao levantamento do bloqueio económico e a libertação dos cinco cidadãos presos injustamente nos Estados Unidos”

Na óptica do Director da LAASP, esta também é uma luta do povo angolano, porque neste país foi derramado muito sangue dos filhos deste país caribenho na defesa da sua integridade territorial.

Os encontros africanos de solidariedade com Cuba iniciaram em Outubro de 1995 na África do Sul com a presença de Nelson Mandela, tendo lugar a cada dois anos, sendo o último realizado em Setembro de 2010 em Angola.

A delegação angolana ao 4º encontro africano de solidariedade com Cuba integra membros de vários extractos da sociedade.

FONTE: ANGOP/GID